HOJE O SENHOR ESTÁ PERTO

 

No Evangelho de Mateus 18.20 Disse Jesus: Onde estiverem dois ou três reunidos no meu nome, aí estou eu no meio deles, e no livro de profecias de Isaias 55.6 diz: Buscai ao Senhor enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto.

 

Hoje podemos encontrar o Senhor porque Ele está perto, diferentemente do homem rico citado na parábola do Senhor Jesus (Evangelho de Lucas 16.19-31), o qual tendo morrido, e no hades (quer dizer inferno) ergueu os olhos, estando em tormenta, viu ao longe Abraão, e Lázaro no seu seio.

 

Esse homem, apesar da sua clemência não pode mais ser ouvido pelo Senhor, porque um grande abismo separa o Paraíso de Deus do lugar de tormenta chamado hades.

 

  

Aquela alma estava longe e não podia mais ser alcançado pelas misericórdias do Senhor, não estava mais dentro do seu tempo aceitável. Tendo partido desta terra para outras dimensões, estando em pecado e sem arrependimento, nada mais pode ser feito,porque cada um será julgado segundo as suas obras.

 

 

Conta-se que um jovem, conhecedor da palavra de Deus, certo dia, trabalhando na construção civil, caiu de um prédio muito alto, e, agonizando no solo, uma senhora aproximou-se com um copo d’água, e pediu a alguém para dar aquela água ao rapaz, porem ele lhe respondeu: Não, esta água eu não quero, porque a água que eu precisava não a tomei no tempo oportuno. Dizendo essas palavras morreu. Ele reconheceu que havia perdido o tempo aceitável do Senhor, triste e terrível fim, porque esta situação é irreversível.

 

Não basta a palavra do Senhor entrar no seu entendimento humano, na sabedoria material, é preciso muito mais, é preciso que o Evangelho de Cristo entre no seu coração para fazê-lo uma nova criatura lavada e remida no sangue do Cordeiro de Deus.

 

E você meu amado, já nasceu de novo? O homem nascido da água e do espírito é desprovido da vaidade, inveja, ciúmes, avareza, soberba, concupiscência da carne, e todo sentimento faccioso abominável a Deus.

 

Disse Jesus: Aquele que não for como uma criança, não herdará o Reino do Céu. A nova criatura tem que ter um coração, semelhante ao de uma criança, a qual não guarda ira, mágoa, rancor, desejo de vingança, sabe perdoar e amar o seu próximo.

 

O coração de uma criança é liberto da avareza, lascívia, ciúmes, é dotado de uma pureza de espírito, caridoso, humilde, com toda simplicidade e bondade em toda maneira de viver. Se você tem um coração puro como o coração de uma criança, verdadeiramente uma nova criatura é. 

 

Irmão Carvalho 

Última atualização ( Seg, 08 de Agosto de 2016 18:53 )